Agora são Horas e Minutos - Este blog está sendo encerrado! Pesquise os temas que tiver interesse ainda aqui mas visite-nos no novo blog: catolicosomos.blogspot.com, esperamos por você lá! Todas as publicações serão aos poucos transferidas para o novo blog.

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Como ser um bom Católico

Bom dia!
Continuemos nossas catequeses!!!

Abraços
João Batista
******

COMO SER UM BOM CATÓLICO...


Por Bob Stanley

Eis aqui algumas regras básicas obrigatórias que todos os Católicos deveriam saber. Entretanto, alguns Católicos não as conhecem ou, mesmo conhecendo, não as seguem:

Participe da Missa semanalmente.
Faltar à Missa deliberadamente nos sábados à tarde (Missas dominicais) ou nos domingos é um pecado mortal.
.
Participe da Missa nos Dias Santos de Guarda.
Somos obrigados fazê-lo em certos dias festivos do ano. O calendário Católico fornece uma lista de todos esses dias
.
Confesse ao menos uma vez por ano se estiver em pecado mortal.
Um pecado mortal é aquele contra quaisquer dos Dez Mandamentos. O Catecismo da Igreja Católica ensina a diferença entre os pecados mortais e os veniais.
.
Creia de todo o coração na Presença Verdadeira, Corpo, Sangue, Alma e Divindade de Nosso Senhor Jesus Cristo na Santa Eucaristia.
Não comungue se tem consciência de que está em pecado mortal. Este seria um outro e ainda pior pecado mortal chamado Sacrilégio. É aconselhável fazer um exame de consciência todos os dias e especialmente antes da Confissão.

"Sede submissos e obedecei aos que vos guiam pois eles velam por vossas almas e delas devem dar conta. Assim, eles o farão com alegria, e não a gemer, que isto vos seria funesto.. Hebreus 13,17

Os adultos estão sujeitos aos seus superiores no trabalho, às autoridades e à lei. Obviamente, tudo isso deve se submeter à lei de Deus, a qual devemos dar prioridade.

Obedeça aos ensinamentos do Santo Padre o Papa e ao Magistério da Igreja.

Temos que respeitar a vida em todos os sentidos. O Aborto é o assassinato da criatura mais indefesa de Deus, uma criança inocente no ventre de sua mãe. A vida começa na concepção. Os defensores do aborto tentam esconder o que, na verdade, é "assassinato legalizado" usando o termo Pró-Escolha. NÃO é escolha de uma mãe assassinar seu filho ainda por nascer ou não. A criança não é dela. Pertence a DEUS. Não é uma parte de seu corpo. Como poderia ser, se pode ser menina ou menino? É uma pessoa à parte, com seu próprio organismo e pode até ter um tipo de sangue diferente da mãe. Assim sendo, nosso Criador criou cada pessoa única, funcionando independentemente e com o potencial para ser um humilde membro deste mundo ou ser uma grande pessoa.
.

Em nosso país maravilhoso, cada um de nós tem o poder de votar e colocar grandes personalidades na liderança. Um bom Católico, vota com inteligência e cuidado em uma pessoa que é a favor da vida, a favor de DEUS. Votar na onda de popularidade que abrange arrogância, auto-engrandecimento e orgulho pelos que advogam o direito de escolha é votar naqueles que propôem uma cultura da morte. Isto é estritamente proibido e contra os ensinamentos da Igreja Católica, que são os ensinamentos de Cristo! Um voto a favor da vida é dizer sim a DEUS. Lembre-se. Maria, nossa Mãe Bendita, disse "SIM" a DEUS. Faça o seu voto valer pela Vida!
.
Não pratique contracepção.
É contra a Sagrada Escritura e o ensinamento da Igreja. O Planejamento Familiar Natural, conforme ensinado pela Igreja Católica, é o caminho certo. O Papa Paulo VI escreveu uma Encíclica em 1968 na qual ele preveu as funestas consequências da contracepção, se continuasse. Chama-se Humanae Vitae. Certifique-se de ler o parágrafo 17, que previu exatamente o que iria acontecer e está acontecendo hoje em dia, mais de 30 anos depois. Contracepção é a mentalidade drogada que leva ao aborto e além.
.
Os pais têm a responsabilidade de ensinar os filhos a distinguir o certo do errado desde cedo e tomar providências para que tenham uma educação Católica adequada.
Ensine-os a participar da Missa aos domingos, a rezarem, que DEUS os ama, etc, assim que eles tiverem capacidade para entender. Esta não é uma obrigação da Igreja, a primeira responsabilidade é dos pais.
.
Tenha uma devoção amorosa pela Bem-Aventurada Mãe de Deus e nossa.
Reze o Rosário todos os dias.
Reze todos os dias.
Reze o Ato de Contrição todas as noites.
Apóie a Igreja financeiramente. Cada pessoa deveria saber com quanto pode contribuir.
...................................................

Para citar este artigo:STANLEY, Bob. Apostolado Veritatis Splendor: COMO SER UM BOM CATÓLICO.... Disponível em http://www.veritatis.com.br/article/5168. Desde 10/20/2008

2 comentários:

disse...

Parabéns pelos Prêmios mais que merecidos e obrigada pelo carinho que ocê dedica a todos nós que te admiramos e respeitamos.
Obrigada também pelo mimo.
Beijos!
Rô!

Nova Evangelização disse...

* * * * *
== * 2.ª Edição (Actualizada) -
Ref.ª: "Presentes de Natal" * ==

* * * * *
Caro Amigo João Batista

Muito obrigado pela sua «sintonia» em assuntos tão importantes e prementes, como o Sacramento da Confissão / Penitência / Reconciliação / Misericórdia... a que desgraçadamente já quase ninguém liga!

Ah, se todos, ou a maior parte - sobretudo os fiéis católicos - tivessem essa santa preocupação (zelo e discernimento), em vez de (quase) só falarem e praticarem "ninharias e frivolidades", cuidando muito mais da saúde e prazer do corpo (vil e efémero!) do que com a saúde e salvação da alma (preciosa e eterna)!

A propósito de tais frivolidades, tantas vezes pecaminosas (por extensão):
O amigo João não considera, porventura, uma relativa ou real 'leviandade' o facto de muitos bloguistas, que se dizem cristãos e católicos, se preocuparem demasiado: com 'prémios', com 'distinções', com 'exibicionismos', com 'honrarias', com 'prazeres', com 'notoriedades', com 'primeiros lugares', com 'superioridades', com 'grandezas', com 'adulações', com pieguices, com 'discriminações', com 'leviandades', com 'petulâncias', com 'egoísmos', com 'vanglórias', com 'vaidades'...?

Efectivamente, como diz o Eclesiastes (1:2), «Vanitas vanitatum et omnia vanitas» (Vaidade das vaidades e tudo é vaidade)!

Eis-nos, pois, em plena "feira de vaidades"!
Quem dá mais? Quem finge melhor? Quem mais bajula? Quem melhor engana?
Quem acende uma vela a Deus e outra ao Diabo?
Quem procura "servir a dois senhores" antagónicos?
Quem valoriza mais o rico e poderoso do que o pobre e doente?
Quem elogia os "Boff's" (e tantos outros rebeldes/heréticos do mesmo jaez), para criticar ou ignorar o Papa, certos dogmas e doutrinas do Magistério, quando não o próprio Deus?

Enfim, seria um nunca mais acabar, como na história das "Mil-e-uma-noites"...

Porém, a nossa Santa Religião e Igreja Católica, tal como Jesus Cristo a ensinou e fundou, e como todos os Santos a viveram, não é nada disso, mas precisamente o contrário!

Todavia, como convencer as pessoas mal informadas, mal formadas, ou mal intencionadas, de que estão... rotundamente enganadas?
Se a pessoa é humilde e honesta por natureza (íntegra), é relativamente fácil; mas se é o contrário - como tragicamente parece ser a grande maioria! -, só por milagre, ou por uma graça muito especial de Deus...

Rezemos muito, e sobretudo sempre e bem - com verdadeiro espírito de penitência, e já agora também com espírito natalício -, pela conversão de tais almas tíbias e desgarradas, para além do nosso contínuo bom exemplo, que Deus fará o resto, se tais pessoas obstinadas (dominadas pelo Maligno) deixarem ou permitirem, claro...
Sobretudo (mais do que nunca, assim como também na Quaresma), nesta bela, esperançosa e misericordiosa, Quadra Natalícia!

+ Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo... e Sua Mãe Maria Santíssima!

* Ó Céus, do alto rociai; / O Justo, ó nuvens chovei!
Germine a Terra seu Deus; / Ó Adonai, nascei, nascei!

Cordiais saudações natalícias, desde já, extensivas à sua família e aos amigos, em união com a Sagrada Família de Nazaré, Jesus, Maria e José.
J. Mariano

_______
P. S.:
Ah, já me ia esquecendo do seu convite - que cabeça a minha! - de «Passse lá, tem um selo para você» -, certamente bem intencionado...
- Por acaso - desculpe lá -, não é daqueles 'selos/prémios'... que forçam/condicionam a pessoa a enviar, por sua vez, o 'prémio/selo' a mais 10 ou 15 (dez ou quinze!) blogues 'amigos/convidados', e tendo de colar, qual bizarra colecção, tudo isso no próprio blogue..., fazendo assim lembrar as orações/correntes - tantas vezes invertidas e deturpadas, sempre supersticiosas! -, que circulam/grassam nos 'web-mails' como lixo electrónico, e/ou tantas vezes ocultando perigosos vírus?

Desculpe se estou a ser algo 'irónico', ainda que no bom sentido e por bem, mas por vezes até parece ser isso mesmo... ou pelo menos uma verdadeira fantochada, "feira de vaidades e leviandades", no mínimo...
Sendo assim, apresento as minhas sinceras desculpas, mas não contem comigo, por bem e amizade, em nome da coerência, da moral e verdade...
Não fiquem, tão-pouco, amofinados, até porque respeito quem não pensa e aje como eu, embora nem sempre concorde, como no caso corrente, evidentemente.

* * *
De qualquer modo, valeu a intenção, pelo que lhe agradeço mesmo do coração. Obrigado, João.
Oxalá os "dardos" não me venham a ferir, mormente devido a eventuais más interpretações, que infelizmente sempre as há; porém, até nisso já estou calejado, graças a Deus... :)
J. M.
-